Preso sargento reformado da PM que assasinou adolescente no Ibura

7779a20350e00438787f69e4254c4c1c

Chegaram ao fim as buscas da Polícia Civil  pelo sargento reformado da Polícia Militar de Pernambuco acusado de assassinar um adolescente de 14 anos e de ferir outro jovem de 13, no dia 25 de julho, no Ibura, na Zona Sul do Recife. Ele se apresentou à Justiça na quarta-feira (3) e foi levado por uma equipe da Radioptarulha para a Delegacia de Capturas e, em seguida, para o Centro de Reeducação da Polícia Militar (Creed), na Região Metropolitana. Depois do cumprimento do mandado de prisão, o ex-PM vai aguardar o julgamento na unidade para policiais que cometeram delitos [Veja vídeo acima].

A Polícia Civil de Pernambuco reforçou as ações para prender o ex-PM desde o dia seguinte ao crime. Na sexta-feira (29), agentes participaram de uma operação para cumprir o mandado deprisão temporária expedido pela Justiça contra o suspeito. Os policiais também cumpriram mandados de busca e apreensão na residência dele, na mesma área onde ocorreu o assassinato.

A delegada Andréa Búsch Borégas, responsável pelo caso, afirmou ter tomado conhecimento da prisão de maneira informal. “O correto seria o sargento ter se apresentado à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), porque é uma prisão determinada para investigação”, explica. Ainda assim, Borégas afirmou estar fazendo as diligências necessárias para concluir o inquérito o mais rápido possível.

O caso da morte do jovem provocou um conflito de versões, logo depois do crime. A PM informou que o sargento reformado tinha sido vítima de uma tentativa de assalto. A Polícia Civil contestoua versão e disse que os rapazes estavam andando de bicicleta quando bateram na moto pilotada pelo suspeito. Parentes e amigos do jovem assassinado fizeram protestos esta semana e fecharam o trecho da avenida onde ocorreu o fato.

De acordo com a delegada Andréa Busch, o mandado de prisão foi expedido por causa de dois crimes: homicídio doloso consumado e homicídio doloso tentado.

Família e amigos compareceram ao enterro do jovem, morto na última segunda (25) no bairro do Ibura (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Família e amigos compareceram ao enterro do jovem, morto na última segunda (25) no bairro do Ibura (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Entenda o caso
Segundo a Polícia Militar, o adolescente e um colega de 13 anos teriam tentado assaltar o sargento, que reagiu à abordagem e trocou tiros com os menores. A família do jovem e o delegado Mauro Cabral, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), discordam dessa versão: para eles, os jovens estavam andando de bicicleta quando esbarraram na motocicleta do sargento. O PM reformado chegou a pedir apoio do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciods), mas disparou contra a dupla antes da chegada das viaturas.

Depois dos disparos, o jovem de 14 anos chegou a ser encaminhado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Lagoa Encantada e, em seguida, transferido para o Hospital da Restauração (HR). Apesar do socorro médico, ele não resistiu aos ferimentos. O outro adolescente, de 13 anos, foi atingido em uma das pernas e no glúteo e está na emergência pediátrica no HR com um quadro clínico estável. A delegada Andréa Búsch Borégas, do DHPP, responsável pelo caso, abriu um inquérito na última terça (26) para investigar o crime. O sargento reformado da PM ainda não se apresentou à Polícia e também não foi encontrado.

Fonte: tvjornal.ne10.uol.com.br/

Facebook Twitter Google+ linkedin email More
Copyright © Ibura - Todos os direitos reservados